Análise do documentário: Requiem for the American Dream

O filme/documentário conta a visão da democracia e da sociedade americana sob a ótica de Noam Chomsky, um dos maiores filósofos políticos dos EUA.

Apesar de sua visão esquerdista, dá para aprender muito com os 10 princípios de riqueza e poder levantados no documentário. Conseguimos perceber a linha tênue que existe entre o “Poder do Dinheiro”, vindo de grandes bancos e corporações e o “Poder do Governo” vindo dos políticos e órgãos públicos;

Dos 10 princípios citados, irei comentar os de maior relevância (ao menos pra mim. assista você também e tire suas próprias conclusões)

Reduzir a Democracia
O “Poder do dinheiro” financia o “Poder do Governo”, quanto mais dinheiro do mundo corporativo é enviado ao mundo político, mais legislação a favor do mundo corporativo é criada, o que gera mais dinheiro e mais dinheiro ao mundo corporativo, é um ciclo vicioso que acaba “reduzindo” a democracia e privilegiando quem tem dinheiro.
Aristóteles chegou a prever que isso poderia acontecer com a democracia, e diz que para que não aconteça isso, a população também deve ter um enriquecimento ao longo do tempo, diminuindo quem possuí o “Poder do dinheiro”. Porém o que vemos hoje em dia é o contrário.

Deslocar o fardo de sustentar a sociedade para os pobres e classe média
Quanto mais legislação são feitas à favor do mundo corporativo, menos impostos são pagos por essas empresas, e consequentemente esse valor é cobrado de alguma forma sociedade. Gráficos mostram que desde os anos 50, os impostos empresariais estão sendo diminuídos enquanto os impostos para a sociedade vai aumentando

Controlar os reguladores
Quando os governos regulam algo, pode ter certeza que é, ou para cobrar mais impostos, ou a fim de reduzir a concorrência em determinado setores, criando “empecilhos” para a entrada de novas empresas no ramo

Controlar as eleições
Isso já não é novidade, cada vez mais os candidatos são “colocados” no poder e não escolhidos democraticamente. Um exemplo dado no documentário é a eleição do Obama, que mesmo com um país mergulhado em uma crise causada pelo sistema financeiro e mesmo não fazendo grandes promessas, ou propostas de mudanças, foi eleito. Hoje eles vendem candidatos como se fosse vender posta dental

Fabricar consensos e criar consumidores e assim manter a “ralé” na linha
A tempos as empresas vem, através do marketing e do controle de recursos, moldando nossos costumes e desejos. Quem está no poder não quer que nós, meros mortais, descubramos o poder do dinheiro e cheguemos  ao mesmo lugar que eles, e por isso focam em nos manter ocupados com outras coisas como ir ao Shopping, gastar mais do que ganhamos em uma determinada marca de produto, ou algum artigo de moda. Dando-lhes mais e mais dinheiros e mantendo-lhes no poder.

 

Acho que o documentário não aborda temas importantes como “O surgimentos dos impostos” e por que os EUA gastam tanto dinheiro com o setor militar, mas dá para ter uma noção de por que a sociedade comum está cada vez mais afundada em dívidas, e por que, mesmo ganhando mais atualmente, possuem uma vida mais difícil do que nos “Anos Dourados” da sociedade americana.

Espero que gostem da indicação!

Abraços,

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s